mulher sentada na cadeira segurando um leque de cartas de tarot

o que é tarot terapêutico

muito se fala hoje em tarot terapêutico, mas o que é tarot terapêutico? existem diferenças entre tarot e tarot terapêutico?

pra responder a essas perguntas, é preciso começar do começo, entendendo o que é o tarot.

não se sabe exatamente a origem do Tarot, nem de onde surgiu, muito menos o ano de seu “nascimento”, digamos assim. o que se sabe é que ele é muito antigo, e que em suas cartas estão guardados mistérios, simbolizados nas ilustrações de cada carta.

o tarot pode ser considerado um mapa da consciência desenvolvido pelos nossos ancestrais e transmitidos pra nós.

a estrutura do tarot que conhecemos hoje, com 78 cartas, com números e nome em cada uma e organizado na ordem que é até hoje, surgiu por volta de 1620 na frança, e originou o tão conhecido tarot de marselha.

foi a partir dessa estrutura “oficial” do tarot de marselha que todos os outros tarots se basearam.

o que é o tarot?

o tarot é um oráculo. oráculo é tudo aquilo que é consultado pra se ter respostas sábias e elevadas. é também uma arte divinatória, ou seja, está ligado à “arte de de adivinhar”, de revelar segredos, trazer informações e iluminar aspectos da vida de quem o consulta, que estão ocultos.

pra além de apenas um oráculo e uma arte divinatório, o tarot também é um mapa, uma rota. se a gente reposicionar as letras da palavra TARO, encontraremos a palavra ROTA. esse é um dos mistérios que guarda o tarot.

mas rota pra quê?

rota pra gente conhecer da gente mesma e do universo. conhecer os mistérios que vêm impregnados no nosso ser através do nosso nome e da data do nosso nascimento.

assim como temos nosso mapa astrológico e numerológico, também temos nosso mapa tarológico. inclusive, a astrologia e a numerologia estão dentro do tarot.

mary k. greer escreveu assim em seu livro os arquétipos do tarô: “as cartas de tarot têm um grande significado pessoal porque simbolizam as suas características humanas inerentes e eternas, que carl jung chamou de arquétipos. esses arquétipos, visualizados e projetados sobre cartas bidimensionais coloridas, falam no nível mais profundo dos segredos velados que existem por trás da sua personalidade cotidiana.”

é por isso que através do tarot conseguimos acessar o mais profundo do nosso ser e descobrir a nossa verdadeira essência, conhecer o que está oculto, e por isso também que ele é terapêutico.

quando abrimos um jogo de tarot, é como se estivéssemos colocando um espelho na nossa frente, refletindo nossa vida atual, nossos problemas e desafios atuais, tanto interiores quanto exteriores.

e muito mais do que entender o que se passa no nosso universo particular no momento presente, o tarot também nos revela rotas a seguir, revelando o que encontraremos em cada uma das opções que temos. ele também nos mostra como precisamos atuar em nossas vidas pra sairmos dos problemas e dos desafios.

toda informação e orientação que o tarot nos revela, são como uma luz clareando um caminho, mas cabe a cada uma de nós decidir se quer ou não quer seguir por aquele caminho. e mesmo se decidirmos seguir, temos que ter consciência que ele pode ser alterado pelas nossas ações e vontades, afinal, temos o livre arbítrio de escolher a todo momento.

é por isso que eu amo muito ter o tarot como uma ferramenta no meu dia-a-dia. à medida que vou tomando decisões e fazendo escolhas, sempre recorro a ele pra me orientar naquele caminho que escolhi.

tarot não é muleta, mas é um facilitador na nossa vida. é como um gps, que chegou pra facilitar a vida, mas não pra impor aonde você vai, nem qual caminho deve seguir.

é por isso que essa abordagem de tarot se chama tarot terapêutico.

um jogo de tarot terapêutico indica um caminho pra gente fazer uma mudança positiva e saudável na nossa vida.

a palavra terapêutico está relacionada à terapêutica, que significa “que tem propriedades de cura”.

quais são os benefícios do tarot

  • autoconhecimento: a gente se conhece em profundidade, porque em um jogo de tarot é mostrado aspectos que estão no nosso consciente e no inconsciente, trazendo à luz aspectos importantes da nossa essência. como eu disse ali em cima, através de um mapa tarológico, temos um roteiro do nosso propósito nessa vida.
  • direcionamento: o tarot revela quais são as energias envolvidas em uma situação ou em diferentes caminhos, funcionando como um gps, mostrando o caminho mais fácil, o mais desafiador, o de maior possibilidade de sucesso. ele nos ajuda a tomar decisões mais assertivas e mais alinhadas com quem a gente é e com o que a gente quer.
  • clareza: o tarot é a luz que ilumina a nossa visão a respeito de qualquer assunto. traz clareza pra qualquer situação que a gente trouxer pro jogo de tarot. ele revela os desafios, as perspectivas futuras, onde a gente tá hoje, e onde a gente pode seguir.
  • O Tarot não é sobre simplesmente “ler o futuro”, mas sobre construir uma vida melhor à partir do momento presente.

como funciona um jogo de tarot

um jogo de tarot com o objetivo de analisar uma situação é tirado com base no questionamento do consulente.

o tarólogo abre um jogo de acordo com a pergunta do consulente, e a maneira de abrir o jogo cabe ao tarólogo escolher o melhor método. aquele que vai trazer mais respostas, com mais clareza.

cada tarólogo tem a sua maneira de abrir um jogo de tarot. muitos criam um jogo baseado nas respostas que o consulente busca. mas também é possível aplicar métodos tradicionais de tiragens de tarot pra chegar nessas respostas, como peladan e cruz celta.

um mapa tarológico já é feito de outra maneira.

como é feito um mapa tarológico

o mapa tarológico é feito a partir de cálculos da data do nosso nascimento e do nosso nome.

o tarólogo pede essas informações com antecedência pra fazer os cálculos e montar o nosso mapa tarológico. esse mapa é uma bússola da gente mesma, um guia do nosso propósito de vida. através dele descobrimos sobre a nossa essência, os nossos desafios nessa vida, as nossas oportunidades, o propósito da nossa alma – quais qualidades em nós mesmas devemos expressar e usar pra gente se sentir realizadas em tudo que fizermos na vida.

um mapa tarológico completo é composto de:

  • cartas da personalidade e da alma, que indica as características de personalidade que a gente desenvolve fácil e as qualidades que devemos expressar
  • cartas do fator oculto ou do professor, que são os aspectos que a gente teme, refeita ou não vê
  • cartas das lições e oportunidades, que mostram os tipos de situações que vamos nos deparar como nossos bloqueios e desafios, e também como dádivas e oportunidades pessoais
  • carta da lição zodiacal, que revela a reação básica e natural que temos aos desafios da vida
  • cartas do nome, que são determinadas pelo seu nome de nascimento, e através delas a gente descobre o significado oculto por trás da escolha do nosso nome e o que ele diz sobre nosso caráter e o destino da nossa alma
  • cartas das vogais do nosso nome, que revelam nossos desejos básicos e motivações interiores
  • carta do potencial de vida, que mostra nosso maior potencial e a maior elevação que a gente pode alcançar

deu pra perceber que é um roteiro mesmo de quem a gente é né?

mandala anual

a mandala anual também é um método de jogo de tarot focado em descobrir qual é a carta do nosso ano, e de cada mês daquele ano. conhecendo qual arcano do tarot rege o ano e cada mês, temos também um mapa pra gente direcionar todos os projetos que temos praquele ano, tanto pessoais, quanto profissionais.

através da mandala a gente já consegue ter um vislumbre de quais serão os meses mais desafiadores e os que serão mais prósperos. os que serão melhores de realizar certos projetos, e quais serão melhores de trabalhar na estruturação.

enfim, é um mapa anual pra gente se planejar com o objetivo de viver um ano mais produtivo, assertivo e próspero.

existe uma infinidade de métodos de tiragem de tarot, e o tarólogo sempre vai escolher o melhor método pra atender as necessidades do consulente.

o tarot é um recurso que pode ser usado de diversas maneiras, mas deu pra perceber o quão rico e valioso ele é no processo de autoconhecimento né?

eu já estudei e ainda estudo várias outras terapias e ferramentas que ajudam nesse design da gente mesma, mas ainda não encontrei nada tão completo e profundo como o tarot.

tenho o sentimento de quanto mais a gente estuda o tarot, mais recursos informações ele revela pra gente. quem é tarólogo entende bem o que eu tô falando. é por isso que eu me apaixonei pelo tarot e pela oportunidade que tenho em mãos de me ajudar e ajudar mais mulheres pela jornada do autoconhecimento em busca da nossa harmonização pessoal, pra vivermos uma vida autêntica, leve, livre e feliz. =D

se o tarot tocou seu coração e despertou um desejo de conhecer mais, me chama pra gente conversar.

Um abraço,

Priscila Serato


Descubra mais sobre A Casa Mágicka

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.

Deixe uma resposta

plugins premium WordPress

Descubra mais sobre A Casa Mágicka

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading